Prefeito de Gandu será denunciado ao Ministério Público por ocultar bens em declaração de candidatura - APUAREMA 24HORAS

Anuncio No Post

Prefeito de Gandu será denunciado ao Ministério Público por ocultar bens em declaração de candidatura

Compartilhar

O prefeito Leonardo Barbosa Cardoso, será denunciado ao Ministério Público por ocultação de bens em declaração à Justiça Eleitoral, durante a sua candidatura ao cargo de prefeito, em 2016. Na época em que declarou patrimônio, o prefeito informou à Justiça possuir pouco mais de R$ 261.000,00 (duzentos e sessenta e um mil reais) entre valores em espécie e bens.
Entre os bens declarados, Leonardo informou à Justiça ser dono de parte de um apartamento em Salvador, lotes de terras, parte em casas e prédio comercial em Gandu, além de automóveis e um “pedaço” de terra em Wenceslau Guimarães.
Na declaração Leonardo ocultou ser sócio de duas empresas, uma que nem chegou a ser aberta, e outra, que detém capital social de R$ 6.000,00 (seis mil reais). De acordo com dados obtidos na Receita Federal, trata-se de uma pousada, onde Leonardo divide sociedade com Osvaldina Cardoso da Silva.
Leonardo Cardoso seria também sócio em um posto de combustível, mas o investimento não chegou a se concretizar. O posto ficaria instalado onde hoje se encontra o campo de futebol society do bairro Dois de Julho e ele teria como sócio, o seu primo, Paterson Cardoso Borges, que também é Chefe de Gabinete da prefeitura.

Fonte: Diário Paralelo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post