PDT decide entre Rui e Neto na próxima semana - APUAREMA 24HORAS

Anuncio No Post

PDT decide entre Rui e Neto na próxima semana

Compartilhar
Foto: Reprodução B.News

As cartas estão na mesa, mas o jogo ainda não está definido. Se o PDT volta para a base do governador Rui Costa (PT) ou se mantém com o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), só será definido na próxima semana. Em conversa com o Bocão News, na noite desta quarta-feira (2), o presidente da legenda na Bahia, deputado federal Félix Mendonça Jr., afirmou que as conversas estão avançadas com o governador, mas nada está decidido. Falta ainda dialogar com ACM Neto.
Ontem, o presidente nacional da legenda, Carlos Lupi, o governador Rui e Félix conversaram sobre os rumos do partido. Segundo Felix, a conversa não girou em torno de cargos ou secretarias, mas sobre o fortalecimento do partido. Ainda de acordo com o pedetista, a decisão só será tomada depois da conversa com Neto. Apoiar os dois está fora de cogitação.
Em mais uma partida do jogo político, pesou ainda a permanência do secretário de Agricultura, Vitor Bonfim no PDT. Ele chegou a ser anunciado como novo integrante do PSL, pelo presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo, mas decidiu ficar no cargo e no partido. Com dois parlamentares apoiando o governo na Alba, Rui Costa tem como negociar o retorno da legenda.
“Eu nunca disse que sou inimigo de Rui Costa ou de ACM Neto. Há conversas sobre o apoio ao governo, mas não decidimos nada ainda. O presidente Lupi vai conversar com o diretório estadual bem como os municipais para vermos a melhor opção”, disse Mendonça Jr. Caso retornem para os braços do governador, Félix ficará em uma situação nada agradável. “Claro que fica uma situação chata, mas vou conversar ainda com o prefeito [ACM Neto]”, afirmou.
Vale lembrar que o PDT apoiou a eleição do governador Rui Costa e por isso recebeu a Secretaria de Agricultura do Estado. No comando estava a prima de Félix Mendonça Jr., Fernanda Mendonça. Porém, as desavenças entre a irmã de Félix, Andrea Mendonça, e Marcelo Nilo tencionou a relação e Félix e seus aliados deixaram a base de Rui. Fernanda Mendonça caiu. Entrou o deputado estadual Paulo Câmera, que por sua vez, abriu espaço para Vitor Bonfim.
Cada vez mais próximo do prefeito ACM Neto, Félix logo conseguiu emplacar a irmã em uma pasta municipal: Trabalho e Renda. Alçando voos, Andrea já está nos Correios, em Brasília.
Com os comandos da secretaria de Agricultura, Ibametro, Adab, e outros do terceiro escalão, o PDT terá que pesar qual a melhor opção. 
Fonte: B. News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post