Chamados de ”ladrão”, Geraldo Alckmin e Aécio Neves são expulsos de manifestação em SP - APUAREMA 24HORAS

Anuncio No Post

Chamados de ”ladrão”, Geraldo Alckmin e Aécio Neves são expulsos de manifestação em SP

Compartilhar

A irritação dos paulistas com a corrupção não se restringiu ao governo petista no protesto deste domingo (13/3). O governador de São Paulo Geraldo Alckmin e o senador por Minas Gerais, Aécio Neves, ambos do PSDB, ficaram apenas meia hora na manifestação na Avenida Paulista, no centro de São Paulo. Eles foram hostilizados com gritos de bundões  e oportunistas. Ao estender a mão para cumprimentar um rapaz, Aécio passou por uma grande saia justa. O jovem disparou para o senador: ”Ladrão! Você sabe que também é ladrão!”. Aécio e Alckmin desistiram de subir no carro de som do Movimento Brasil Livre (MBL), um dos organizadores do protesto, e foram embora escoltados por um grande grupo de seguranças. Fonte: Folha de SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post